Matriz GUT para o PIPCP (Plano de Implantação dos Procedimentos Contábeis Patrimoniais)

Sendo bem rápido: montei uma planilha com a Matriz GUT (Gravidade, Urgência e Tendência) para os Procedimentos Contábeis Patrimoniais.

Para maiores detalhes, leia este texto: PIPCP: Plano de Implantação dos Procedimentos Contábeis Patrimoniais.

As premissas utilizadas para esta matriz são:

  • Lista de Procedimentos considerados são os relatados  neste texto:  Usando matriz GUT na implantação dos Procedimentos Contábeis Patrimoniais
  • Prazos: o ano em que os registros precisam começar a serem feitos. O ano em que serão verificados pelo SICONFI vai ser o seguinte ao término do prazo.
  • Verificação: já existe algum tipo de verificação sendo feita pela STN, TCE ou outro órgão quanto a realização do procedimento?
  • Gravidade: a gravidade é máxima, pois uma vez que o procedimento não estiver implantado quando da verificação, a STN poderá restringir as transferências voluntárias e não dar quitação de atendimento a dispositivos legais.
  • Urgência: Se o procedimento estiver implantado, ele não é mais urgente; Se o ano atual for maior que o prazo para início do procedimento, a urgência é máxima; e o ano atual é igual ao ano do prazo, é muito urgente; se o ano atual é menor que o ano do prazo e a implantação do procedimento não está iniciada ainda, é urgente, mas se tiver iniciada a implantação, é apenas urgente.
  • Tendência: se o procedimento estiver implantado, a tendência é mínima; se ele já estiver sendo verificado, não há tendência de piora das consequências, se não está sendo verificado, há as consequências irão piorar no longo prazo.

São digitáveis apenas as colunas “Procedimento”, “Prazo”, “Verificado” e “Implantação”.

A coluna “Índice GUT” informa a prioridade que deve ser dada a cada procedimento, sendo que quanto maior o índice, maior deve ser a prioridade.

 

Planilha do Excel com a Matriz GUT

Deixe uma resposta